sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Aquele Natal


Olá,
à já algum tempo que estou para escrever alguma coisa sobre o Natal. Não tenho tido a verdadeira inspiração que esta quadra merece, no entanto, hoje tive uma imensa vontade de comer arroz-doce. Aquele arroz-doce feito pela minha mãe. Isso, aquele que ela fazia no Natal e não deixava ninguém tocar-lhe porque era para o Natal. E acabava por se estragar.
Para mim o Natal é isso. Não propriamente pelas prendas. Mas sim as recordações de familia, as gargalhadas, o rasgar do papel dos embrulhos e o "oh tão giro" (podia não ser o que a pessoa queria, mas fazia-se as delicias de quem oferece).
Mas o melhor dos meus Natais era quando, todos juntos, faziamos cuscurões até as tantas da noite. E eu, com as minhas forminhas de brincar, me deixavam moldar as massa à minha vontade (ou seja, fazer asneira, mas as minhas peças eram fritas na mesma, o que me dava uma satisfação enorme). Naquela altura não eram neces´sárias palavras para expressar o que ia no coração de cada um. Contudo, hoje em dia, no Natal as palavras valem ouro. Se não sabe o que oferecer, ESCREVA. Sim, escreva o que deseja de melhor para essa pessoa, escreva como a ama, escreva as felicidades que a mesma já lhe deu.

"
Use a palavra a todo o instante, de todas as maneiras,
A sua força é imensurável.
Lembre-se sempre do poder das palavras.
Quem escreve constrói um castelo,
e quem lê passa a habitá-lo
"
Autor desconhecido

Partilhei aqui as vossas melhores recordações de Natal, aquelas que têm o "cheiro" caracteristico do Natal. Deixem o vosso comentário.


Deixo-vos com o desejo de um Bom Fim-de-semana a todos e, é claro,


UM FELIZ NATAL.


O ARROZ-DOCE espera-me. ;o)

Elisete

2 comentários:

Ventos de Cor disse...

Ainda bem que estão a gostar do blog criativo
É, sem dúvida importante
Pode ser que mais lá para a frente consigamos organizar algo em grande e ao vivo e a cores
Quero deixar mais uma vez o meu agradecimento e enaldecer todos os trabalhos que tenho visto, quer das participantes quer dos blogs nomeados que realmente me têm surpreendido.
Temos a mania de ir sempre á procura de tudo lá fora, mas a verdade é que, o que de melhor se faz está cá dentro. O nosso Pais continua a ser um cantinho a beira mar plantado e é incrivel o poder criativo que podemos encontrar nos milhares de blogs de origem portuguesa na net.
Um beijo do tamanho do mundo
e Obrigado por partilharem connosco as vossas grandes obras de Arte

Sara

Bruno disse...

É claro que também iamos fritar os teus! :) Grandes tempos esses...não eram melhores nem piores que os de agora...mas tinham um gostinho diferente...
Fora esses talvez o melhor até agora tenha sido o do ano passado... foi para mim o juntar de dois mundos..concretizei algo que já queria há muito tempo.
Comecei e agora quero continuar...
:) Paula

Related Posts with Thumbnails